Obras raras: Diario da viagem do Dr. Francisco Jose de Lacerda e Almeida pelas capitanias do Para, Rio Negro, Matto-Grosso, Cuyaba, e S. Paulo, nos annos de 1780 a 1790

Agradável leitura que nos faz voltar ao Brasil Colônia. Interessantíssimas descrições desse Matemático e suas impressões sobre nosso povo, cultura e costumes. Essa é uma obra rara, mas que pode ser encontrada em pdf na Biblioteca digital no site da Câmara dos Deputados: http://bd.camara.gov.br/bd/handle/bdcamara/1941

“Francisco José de Lacerda e Almeida foi um paulista formado em Matemática na Universidade de Coimbra. Percorreu estradas fluviais da maior importância para a comunicação doBrasil: a ligação entre Belém e São Paulo.Recebeu a incumbência de demarcar os limites fronteiriços com as colônias castelhanas. A missão demarcadora era um desdobramento do Tratado de Santo Ildefonso, assinado em1777.

Lacerda e Almeida prestaria serviço ao Estado português como geógrafo, matemático e astrônomo, realizando medições corretas das latitudes e longitudes. Atuaria ainda na localização dos rios, rumos, correntes e cachoeiras. Notificaria sobre a existência de minas de ouro e diamantes, além de registrar novos animais e plantas. Sua primeira jornada deixou Lisboa em 1780 com destino a Belém, no Pará.” fonte: wikipedia.

[/caption]

Muito de nossa cultura é herança colonial, boas ou ruins. A hospitalidade brasileira é centenária. O nosso amável povo e um país rico, repleto de riquezas de todos os tipos. Só nos mostram que o Brasil só não é primeiro mundo porque é mal administrado ou foi sempre tratado como colônia.

Um povo admirável:

🙂

About ricardonagy

Bacharel Direito PUC-SP. Pós-graduando em Direito Civil pela EPM-TJSP. Bacharel e Licenciado Letras inglês/português USP. Pós-graduado em Tecnologias Interativas Aplicadas à Educação PUC-SP.
This entry was posted in curiosidades, dicas culturais and tagged , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

One Response to Obras raras: Diario da viagem do Dr. Francisco Jose de Lacerda e Almeida pelas capitanias do Para, Rio Negro, Matto-Grosso, Cuyaba, e S. Paulo, nos annos de 1780 a 1790

  1. Pingback: Download grátis de livros obrigatórios da Fuvest e Unicamp 2014. Leitura digital, Kindle, Ipad e acesso facilitado. Escola do futuro USP. Fontes digitais. | Ricardo Nagy's Blog

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s