Duas “Femme Fatale”. Parte II: cinema. Diretores: Brian de Palma e Roman Polanski. Atores: Antonio Banderas, Emmanuelle Seigner, Hugh Grant e outros. ‘Femme Fatale’ e ‘Lua de Fel’.

Do diretor Brian de Palma, com Antônio Bandeiras e a belíssima Rebecca Romjin-Stamos (a mesma que fez a Mística em X-men), o filme é um instigante filme de mistério, com cenas quentes, ferventes e muito suspense. Para os aficcionados em cinema, o filme traz técnicas de FILM NOIR (pronuncia-se no-ar, do francês filme preto), estética de filmes que apareceu na década de 40, com fortes influências do expressionismo alemão. Os filmes NOIR derivaram dos romances da Grande Depressão, muitos eram adaptações de romances policiais do período.

 Em ‘Femme Fatale’, filme de 2002, Laura Ash (Rebecca Romjin-Stamos), linda mulher, tem um papel crucial em um grande assalto de joias, mas, repentinamente, abandona a carreira criminosa e decide reinventar-se. Nicolas Bardo (Antonio Bandeiras), um paparazzi, expõe a belíssima Laura às lentes, ameaçando sua identidade. Ela então usa seus talentos e a obsessão voyeurística de Nicolas para escapar novamente. Belíssimo filme, com detalhes sutis e instigantes. Pelo trailer já dá para ter uma noção.

“Have you ever felt real, overpowering passion? Have you ever truly idolized a woman? Nothing can be obscene in such a love…” A segunda femme fatale é do grande diretor do filme ‘O Pianista’, Roman Polanski. Trata-se de ‘Lua de Fel’, filme de 1992. No elenco temos Nigel (Hugh Grant) e Fiona (Kristin Scott Thomas) um casal de ingleses que, ao fazerem um cruzeiro, conhecem a belíssima Mimi (Emmanuelle Seigner) e Oscar (Peter Coyote). É uma história de amor e ódio, de promessas e traições, com diálogos afiados e inteligentes, e cenas mais quentes sem cair na vulgaridade. Oscar percebe a atração de Nigel por sua mulher e propõe que ele poderá ficar com ela com a condição de que ouça toda a história dos dois. Por mais escabrosa que pareça, a noção real de femme fatale fica explícita quando o espectador entende o porquê de Oscar ter ficado paraplégico… Impossível ficar imune. Enjoy!

Anúncios

Sobre ricardonagy

USP/PUC-SP. Bacharel em Direito PUC-SP. Pós-graduando em Direito Civil pela EPM-TJSP. Bacharel e Licenciado Letras inglês/português USP. Pós-graduado em Tecnologias Interativas Aplicadas à Educação PUC-SP.
Esse post foi publicado em dicas culturais, poema, poesia e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Duas “Femme Fatale”. Parte II: cinema. Diretores: Brian de Palma e Roman Polanski. Atores: Antonio Banderas, Emmanuelle Seigner, Hugh Grant e outros. ‘Femme Fatale’ e ‘Lua de Fel’.

  1. Pingback: Tim Burton e Johnny Depp: Sombras da Noite. 2 femme fatale. | Ricardo Nagy's Blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s